Do interesse ao desinteresse é só uma questão de (falta) atitude